Bem-vindo ao Blog Falares de Portugal! 

Welcome to Falares de Portugal! 

Willkommen bei Falares de Portugal!

Inscreva-se na Newsletter
Escreva o seu nome e endereço de e-mail:
Nome:          Email:
Subscrever  Cancelar 

terça-feira, novembro 29, 2005

Português Falado: Características gerais da língua falada

1. Emotividade
a) interjeições (ui, oi, ai)
b) elementos enfáticos (realmente)
c) diminutivos
d) sinais:

  • de organização do texto: iniciais (bem, olhe, então), finais (não é?, nao têm?, pá)
  • de contacto (pois, bastantes)
  • de reforço ou confirmação de uma declaração (claro, é verdade, evidentemente, de facto, sim senhor)
  • de apelo à atenção do interlocutor (oiça, ouve, ouça)

e) (...)

2. Espontaneidade
a) preenchimento de pausas (quer dizer, enfim)
b) uso de palavras “passe-partout” (coisa, coiso)
c) correcções (ter-se-á de que > de, de > dos, dos automóveis > dos acidentes)
d) anacolutos (quebras ou mudanças abruptas de construção sintáctica)
e) repetições
f) construções de ênfase:

  • “hanging topic”
  • frases clivadas (o que é triste é que...)

g) (...)

3. Diálogo frequente
4. Elementos de localização situacional: deixis (isto, isso, aí, ali, cá)

5. Morfosintaxe
a) Tempo-Aspecto-Modo

  • uso do presente do indicativo em vez do futuro
  • o condicional é substituído pelo pretérito imperfeito do indicativo

b) Pronomes

  • uso frequente dos pronomes pessoais eu, nós (característica relacionada com a presença constante de diálogo na língua falada)
  • utilização do substantivo “(a) gente” gramaticalizado como pronome pessoal de primeira pessoa do plural: “a gente” em vez de “nós

c) Falta de concordância, de género e número nos substantivos e de número nos verbos
d) Uso frequente de parataxe (coordenação) em detrimento de hipotaxe (subordinação)
e) (...)

[cf. exemplo retirado do Corpus de Referência do Português Contemporâneo]

Texto de Tomasz Perz (Protocolo do seminário "Português Falado", do dia 07.11.05. Para mais informações consultar seminário - 07.11.05 em
portuguesfalado.com.sapo.pt)

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home